E você? Também é assim?

Atire a primeira pedra quem nunca fez alguns dos itens abaixo. E comente:

“Quantos dos itens você já fez?”

– Saqueiam cargas de veículos acidentados nas estradas.
– Estacionam nas calçadas, muitas vezes debaixo de placas de proibição.
– Subornam ou tentam subornar quando são pegos cometendo infração.
– Trocam votos por qualquer coisa: areia, cimento, tijolo, dentadura.
– Falam no celular enquanto dirigem.
– Trafegam pela direita nos acostamentos num congestionamento.
– Param em filas duplas, triplas, em frente as escolas.
– Violam a lei do silêncio.
– Dirigem após consumirem bebida alcoólica.
– Furam filas nos bancos, utilizando-se das mais esfarrapadas desculpas.
– Espalham mesas, churrasqueiras nas calçadas.
– Pegam atestados médicos sem estar doentes, só para faltar ao trabalho.
– Fazem gato de luz, de água e de TV a cabo.
– Registram imóveis no cartório num valor abaixo do comprado, muitas vezes irrisórios, tentando pagar menos impostos.
– Compram recibos para abater na declaração do imposto de renda para pagar menos imposto.
– Mentem sobre a cor da pele para ingressar na universidade através do sistema de cotas.
– Quando viajam a serviço pela empresa, se o almoço custou 10 pedem nota de 20.
– Comercializam objetos doados nessas campanhas de catástrofes.
– Estacionam em vagas exclusivas para deficientes.
– Adulteram o velocímetro do carro para vendê-lo como se fosse pouco rodado.
– Compram produtos piratas com a plena consciência de que são piratas.
– Substituem o catalizador do carro por um que só tem a casca…
– Diminuem a idade do filho para que este passe por baixo da roleta do ônibus, sem pagar passagem.
– Emplacam o carro fora do seu domicílio para pagar menos IPVA.
– Frequentam os caça-niqueis e fazem uma fezinha no jogo de bicho.
– Levam das empresas onde trabalham, pequenos objetos como clips, envelopes, canetas, lápis… Como se isso não fosse roubo.
– Comercializam os vales transportes e vale refeição que recebem das empresas onde trabalham.
– Falsificam tudo, tudo mesmo… Só não falsificam aquilo que ainda não foi inventado…
– Quando voltam do exterior, nunca falam a verdade quando o policial pergunta o que trazem na bagagem…
– Quando encontram algum objeto perdido, a maioria não devolve.

E querem que os políticos sejam honestos…
Se escandalizam com a farra das passagens aéreas… Estes políticos que aí estão saíram do meio desse extrato. Ou não?

==========
Fonte: Asttro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s