Alfredo e Juvenal

Alfredo e Juvenal eram amigos de infância. Alfredo se casou com uma loira gostosíssima e Juvenal foi o padrinho. Mesmo assim, ela vivia dando a maior bola pro Juvenal. Numa sexta-feira, ele estava no trabalho e recebeu um telefonema decisivo dela:
– Meu tesão… o Alfredo viajou e estou aqui em casa, nua na beira da piscina… Me sinto tão só, tão carente… Porque você não vem pra cá? Podemos fazer sexo ao ar livre… Livres!
Lealdade tem limites! E Juvenal resolveu aceitar o convite. Chegando na casa do amigo, encontrou a porta aberta e foi entrando.
Andou pela casa inteira e não encontrou ninguém. Ao chegar na suíte, ouviu o ruído da água do chuveiro. Juvenal tirou a roupa e deitou-se na cama do casal. Alguns minutos depois, o banheiro se abre e quem aparece é o Alfredo, que perdera o avião e a viagem.
– Juvenal! O que é que você está fazendo aí? Peladão! Deitado na minha cama?!
Juvenal, sem perder o rebolado, fala:
– Pois é, rapaz… Sexta-feira. Eu lá no escritório, um sol de rachar, nada pra fazer, olhei pro relógio, duas e quinze da tarde! Aí pensei:
– Quer saber de uma coisa?… Vou dar pro Alfredo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s